domingo, 28 de dezembro de 2008

Bolsinha para tesoura

Agora que já chegou ao seu destino, já vos posso mostrar:

A minha mana Ana andava há "moooontes" de tempo a falar numa tesoura em forma de cegonha... E eu a pensar numa prenda de Natal para lhe oferecer... ;).
A correr, ainda consegui fazer uma bolsinha para a "arrumar". Está muito simples, mas o tempo ultimamente anda de costas voltadas comigo... ou então sou eu que o gasto sem sentido. (...acho que é mais a última... lol)
Espero ter conseguido dela um sorriso, nestes dias de frio que têm estado tão cinzentos...
Um beijo grande para ti Ana, o ano está a acabar e juntas vamos torcer para que o próximo seja (mesmo que só um bocadinho) melhor do que este.
******
Até já.

sábado, 27 de dezembro de 2008

Bolsinha cor-de-rosa

Terminei outra bolsinha, esta em cor-de-rosa, forrada com tecido de florinhas azul e rosa.
Está simples, mas prefiro sempre a simplicidade, o que permite ser depois complementada ao gosto de quem a recebe, se assim o entender, claro...


Foi um miminho que enviei à minha madrinha Carla, como lembrança de Natal.
E sei que ela gostou! ;)
Bjs

quarta-feira, 24 de dezembro de 2008

FELIZ NATAL


Desejo-vos um feliz Natal e votos de um 2009 pleno de alegrias, com muito amor e carinho.
E, como diz um nosso humorista, "façam-me o favor de ser felizes...".
Um grande beijinho
FELIZ NATAL

quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Manta Primavera

Acabei uma mantinha parecida com um campo de flores... ;)
Cada quadrado tem o centro de uma cor diferente, em 6 cores.
Será agora cosida a uma parte de pano de tamanho idêntico e ficará uma capa do edredon da B., filha de uma colega minha.
Fico feliz por ver que ficou gira, que a S. gostou e que vai ser um jardim para uma princesa...

Depois de algum tempo em "reclusão monástica" e de algumas conversas sérias comigo, voltei, com muitos projectos em mente e alguns já iniciados.
...e lembro-me tantas vezes das palavras da minha querida D.Luísa, que não vejo há mais de 20 anos (e que nunca saberá o quanto me lembro dela): "Menina, amiga é a nossa barriga e é quando não nos doi...".
Fiquem bem.